Trama do RPG - Resumo
Prólogo
Houve um tempo de guerra que assolou o País do Fogo por inteiro, dizimando famílias, campos e gerações a fio fosse a mando da honra ou do dinheiro. Esta era ficou conhecida como a Era dos Estados Combatentes. Cansados do derramamento de sangue intenso recorrente dentro das dependências do lar, as gerações passaram a adotar medidas de paz e cessar fogo, gerando um tempo de paz depois de anos em guerra.

Para dar um fim a tudo isso, o Tratado de Wakai foi assinado pelas quatorze cabeças dos clãs combatentes - e restantes - na presença do Daimyo Shimitsu, um termo de posse em uma região específica no interior do País, demarcado em quatorze territórios. Devido a convivência frequente das famílias em função da proximidade, a convergência dos territórios era iminente. Um segundo encontro diplomático entre os líderes resulto no que veio a ser chamado pouco tempo depois de União do Fogo, governada simultaneamente por estes, em uma junta democrática nomeada Conselho do Fogo.

Junto desta união nasceu um sistema de organização militar, hierarquizando aqueles que chegassem em determinados níveis de poder em um modelo de poder guiado e determinado pelo Conselho. Enquanto alguns já ganhavam altos postos, a preocupação com a educação das crianças das famílias surgia igualmente e, com isso, nasce a Academia Ninja e os futuros talentos que protegerão a União no futuro.
Últimos assuntos

Compartilhe
Ir em baixo
Jin
Genin
Genin
Ficha Ficha : Uchiha Takashi .
Vila Vila : União do Fogo.
Ver perfil do usuário

[Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

em 23.12.18 21:08


Treino;
O ferver dos sangues!
A noite em Konohagakure permanecia em seu cair, expondo o bréu sobre os céus. Já era noite. A climatologia sempre seria amena, com o variar entre o úmido e o extremamente quente. No limiar do anoitecer um garoto se levantava para o seu diário descansar matutino. Com as mãos nos bolsos, ele parou em frente á varanda do alto da sua casa, observando a cidade que estava nascendo ali. A cada dia, permanecia expansiva e mais cheia de vida, não só a natureza do local, o verde, mas também, vindo da própria natureza ao redor.

— É hoje...  — Seria o que sairia dos lábios, cujos quais, após aquele breve dizer, se formaria um sorriso caloroso que mostrava a força de espírito. Coçando o nariz, o louro então, posicionava a perna direita sobre a grade de metal, fazendo certa força ali, e então, batia a outra sobre o chão, tomando impulso para cima e girando no ar. Caindo em direção ao chão, os olhos verdejantes ganhavam um grande brilho, e Bakuto voltaria a correr pelas ruas da vila após seu pouso.

Mesmo que as pessoas ainda olhassem feio para o rapaz que corria por ali, ele não se importava. Aprendera a lidar com aquilo desde cedo, mesmo que tudo doesse, ele havia sido forte o suficiente para continuar. Após algum tempo correndo, ele poderia observar os traços do local desejado se formando com sua proximidade. As pernas se deslocavam com total energia, levando o louro o mais rápido que podia para onde ele queria. Bakuto não tinha amigos, mas, naquele dia, ele desejaria fazer alguns laços.

Então, os passos cessaram ao estarem sobre um local verde, grama recém-aparada. E um pequeno riacho, água corrente passava por ali. Com a mão na cintura, ele então mudou o peso da perna para a outra, trocando de posição. — Hoje é dia de treinar. — Diria, calmo, porém, seu tom era empolgado, e já se esticava, começando logo depois a fazer força com os braços.



Informações:
Considerações:

HP: 25/25.
CH: 10/10.
ST: 00/05.

Aparência:
Descrição:
Ele estará se aquecendo em frente oa rio corrente do campo.
Jutsus usados:
Kafka
Genin
Genin
Vila Vila : Konoha
Ver perfil do usuário

Re: [Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

em 23.12.18 21:41

—— Chegada a hora!

Caminhava tranquilamente em direção ao campo de treinamento. A noite já se fazia presente e eu estava ali buscando algo que pudesse me distrair. De longe pude observar uma figura curiosa que parecia estar muito interessada em treinamentos. Carregava algo em meu bolso que preferi deixar escondido por enquanto. Ler era um dos meus hobbies, mas outro eu queria praticar: exercícios físicos. Foi com esse pensamento que sai de casa. Talvez tivesse encontrado alguém tão fervoroso quanto eu. Talvez. Só saberia me aproximando.

Me aproximei sem retirar as mãos do bolso. —— Saudações, camarada. Que linda noite para um treino, não concorda? —— Aguardei a resposta dele, mas mudando minha postura nesse ínterim. Esticava meus braços e movimentava-os de forma circular; primeiro um braço depois o outro, dando ênfase nos ombros. Tinha visto o professor fazer isso na aula de taijutsu da Academia. Era um bom observador e começava a exercitar essa habilidade subestimada, analisando o corpo do garoto a minha frente. A concentração era tanta que podia ouvia o rio fluir com um pouco mais de violência, culpa da noite que trazia sua irritação.

Me deixei distrair por alguns instantes em meus próprios pensamentos e nos sons que a natureza fornecia, tal sinfonia natural que o homem insistia em destruir.

hp: 20 | ck:20 | st: 05

Considerações:
210 palavras.

------

"Coloque a lealdade e a confiança acima de qualquer coisa;
não te alies aos moralmente inferiores; não receies corrigir teus erros."
Confúcio
Jin
Genin
Genin
Ficha Ficha : Uchiha Takashi .
Vila Vila : União do Fogo.
Ver perfil do usuário

Re: [Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

em 23.12.18 22:04


Treino;
O ferver dos sangues!
O garoto já iria começar a socar o ar, como de costume, mas algo interrompeu. Alguém estava se dirigindo á ele. Aquilo pareceu mudar um pouco a reação do rapaz, que ergueu as sobrancelhas, fitando o outro com os olhos verdes. Deu um passo para trás, dessa vez, se posicionando para ficar de frente para com o desconhecido. Aparentemente, a expressão de surpresa fora substituída por uma expressão alegre, ele sorria abertamente para o outro. — Mas é claro! — Diria. — É por isso que eu tô aqui, mas, se não fosse por você, eu treinaria sozinho outra vez. — Concluiria, em seguida.

— Eu sou Uzumaki Bakuto! E a partir de agora, eu serei seu oponente! — Ele então daria alguns passos para trás, se afastando do outro, buscando ter alguma distância estratégica, e uma proximidade com o riacho, ficando á alguns centímetros de perto das águas noturnas. — Lute com tudo! Não se contenha! — Diria bastante empolgado. Mas então, seu olhar se tornaria sério, apesar de seu sorriso brincalhão. Ele estaria se preparando para o seu ataque. Após alguns segundos, o afobado iniciou seu investimento, se deslocando como um foguete em linha reta para com o objetivo de lutar.

Mas, enquanto se deslocava, no meio da trajetória, ele então passaria a dar esquivas laterais, descrevendo zigue-zague enquanto buscava se aproximar. Nem era afobado, o Bakuto, que agora corria em direção ao novo amigo que havia conhecido. — Haaa! — Gritaria ele, fazendo uma força, uma pressão na ponta do pé esquerdo, aderindo á um salto, que seria trajetório para com uma mini parábola, onde, o garoto Uzumaki buscaria trazer então o famoso soco com sua destra, mirando o peito de seu novo lutador oposto. Aquilo sim, depois de se aproximar o suficiente para o alcançar. Após seu feito, se desse certo, ele buscaria então, dar um pequeno salto para trás.



Informações:
Considerações:

HP: 25/25.
CH: 10/10.
ST: 00/05.
Força: 00/00;
Velocidade: 00/00

Aparência:
Descrição:
Distância de 10 metros. Após isso, deslocamento inicialmente reto, porém, no meio da trajetória á 05 metors, mudaria para zigue-zague em proximidade, e á 15 cm, o golpe, o afastamento seguido, seria de 05 metros.
Jutsus usados:
Kafka
Genin
Genin
Vila Vila : Konoha
Ver perfil do usuário

Re: [Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

em 23.12.18 22:23

—— Uzumaki... Bakuto?

A postura e as palavras do parceiro a minha frente me causavam certo espanto. Ele parecia ser um entusiasta ainda maior que eu. Visto que meu maior hobby era ler. —— Sou Kafka Senju, meu consagrado. Boa luta. —— Nem terminava minhas palavras e já me começava a ajustar meu corpo a uma postura mais indicada à luta. Me coloquei levemente de lado e elevei meu braço direito, deixando-o a frente do meu corpo, com o cotovelo dobrado. O antebraço ficava a frente do meu rosto, protegendo-me nessa região e a ligeiramente abaixo: pescoço e tronco. A mão esquerda ficava na mais atrás, junto a meu queixo, protegendo-o e devidamente posicionada para ataques.

O avanço do adversário me colocou em atenção total. Instintivamente executei um curto passo para trás, buscando maior distância. O oponente não parecia ser mais veloz que eu até o momento e eu acompanhava sua aproximação sem dificuldades. Ele saltou e jogou o punho na direção do meu peito. Rapidamente forcei meus pés no chão e saltei para meu lado esquerdo, buscando escapar do seu ataque que vinha em linha reta. Se efetivasse a esquiva, não deixaria que nos distanciássemos e aproveitaria a curta distância para lançar meu punho esquerdo.

O movimento era cinético. O punho era seu fim. Mas o começo era com meu pé que girou no solo rapidamente, impulsionando meu quadril que impulsionou meu tronco e, consequentemente, o punho. Tentaria entrá-lo por cima do braço direito do adversário - o mesmo que ele tentava o soco - , um golpe que visaria desviar de uma possível defesa com seu braço e entrar de cima para baixo, caindo sobre sua testa. Obtendo êxito ou não, saltei um metro para a esquerda e aguardei o desenrolar dos movimentos.



hp: 20 | ck:20 | st: 05

Considerações:
280 palavras.
Desviei para o lado. Simples. A questão é que tentei aproveitar o teu próprio movimento. Quando você lança o movimento e toca os pés no solo, eu fui para o lado. Tentei atacar antes que tu consiga recolher teu braço direito de volta.
Força e Velocidade, 00.

------

"Coloque a lealdade e a confiança acima de qualquer coisa;
não te alies aos moralmente inferiores; não receies corrigir teus erros."
Confúcio
Jin
Genin
Genin
Ficha Ficha : Uchiha Takashi .
Vila Vila : União do Fogo.
Ver perfil do usuário

Re: [Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

em 23.12.18 22:56


Treino;
O ferver dos sangues!
Como era ágil. O soco atacou o vazio, pois naquele momento, o usuário buscaria se esquivar, não se efetuando completamente a ação. Os olhos verdes acompanharam o oponente, enquanto fazia os movimentos. Ele havia se aproveitado do próprio movimento para atacar Bakuto, e estava completando o seu eixo para com aquela batalha. Aquilo fez com que o louro trincasse os dentes, adquirindo uma postura mais séria, e, portanto, deixando que o sorriso ligeiro e obsoleto viesse a desaparecer.

O punho viera por cima de seu braço, visando atingir-lhe a sua cara, e se aproximava mais e mais. Mas, durante os mínimos segundos, ele pode notar que poderia acompanhar as esquivas e os golpes, indicando que, poderia então ser que o Senju fosse do mesmo nível que ele. Ainda com o braço esticado, e o braço passando por cima. Nos últimos segundos antes do punho atingir seu rosto, o Uzumaki tentou um contra-ataque. Talvez desse certo, talvez desse errado, mas precisava tentar.

Assim, forçou o braço para cima, buscando se aproximar mais de seu opoente. O braço então buscaria atingir a parte de baixo do outro, visando jogá-lo para cima, e, portanto, seria a tentativa de mudar o curso do ataque, além disso, ele posicionaria seu braço em seguida, buscando segurar o outro, apertando os dedos contra o outro, que servisse de uma distração. — Há! — Diria quanto a isso, mas ainda não havia acabado, o resto do movimento viria a seguir.

O punho viria a seguir, vindo lá de trás, reto, frontal e devastador, que ao decolar como um foguete iria adquirir um caráter mais giratório, rotativo. O punho canhoto descreveria um movimento curvo, que mudaria um pouco a sua direção, mirando exatamente na bochecha mais próxima do mesmo. Visaria um belo dum porrete socão. Durante o movimento do soco ele diria: — Estou feliz de ter constituído um laço com você! Eu nunca tive amigos, Senju! — Seu tom ainda seria descontraído e empolgado, alegre e caloroso até.



Informações:
Considerações:

HP: 25/25.
CH: 10/10.
ST: 00/05.
Força: 00/00;
Velocidade: 00/00

Aparência:
Descrição:
O seguinte, Bakuto usará a dobra de seu braço para dar uma cotovelada para ciam, visando que seu soco saia de curso, e, após tal, ele usará o resposicionamento de seu braço para deslocar o mesmo e segurar, travando seu braço. Nada mais do que uma finta, pois, após isso, em seguida, ele trará um soco de lá de trás, mirando diretamente na face.
Jutsus usados:
Kafka
Genin
Genin
Vila Vila : Konoha
Ver perfil do usuário

Re: [Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

em 23.12.18 23:23

—— Uzumaki... Bakuto?

Um sorriso brotava em meus lábios quando pouco a pouco meu punho se aproximava mais e mais do rosto adversário. Entretanto no último instante ele elevou seu braço direito de forma astuciosa. O leve tocar em meu braço fez ele desviar de leve a trajetória e com isso raspar o rosto do opositor. Quando ia retornar para uma posição ais segura, senti meu braço preso. Por uma questão de lógica um de nossos braços estavam anulados e restava o outro além do resto do corpo.

Por possuirmos velocidade igual, a luta parecia se manter equilibrada. Meus olhos procuravam percorrer o corpo do oponente desde que notara que meu braço estava preso. Sabia que seria golpeado, não sabia a origem. Meu braço direito estava aonde ele deveria estar e esteve desde o começo: a frente de meu rosto. Isso facilitou o serviço. Eu não podia dizer se o adversário possuía mais força que o apresentado até o instante, portanto não quis arriscar. Abri a palma da minha mão e deixei meu antebraço apontado para cima. No instante exato joguei minha mão contra o punho do adversário, buscando com esse toque desviar também seu ataque, devolvendo a esperteza. Não apenas movimentava meu braço, mas mexia meu pescoço e cabeça na direção contrária do ataque, como garantia, tentando deixa-la ainda mais longe do alcance.

Enquanto o golpe era desviado, virei minha mão rapidamente, espalmando-a busquei agarrar o braço do adversário, devolvendo novamente o movimento. —— Ficaremos ambos presos? —— Tentei jogar meu joelho direito contra o estômago do adversário em um movimento rápido, dobrando-o para tentar elevar seu poder de impacto. Esse lançamento era realizado com o auxílio de uma técnica de ampliação de impacto, concentrando chakra na perna inteira.

hp: 20 | ck:20 | st: 05

Considerações:
288 palavras.
Desviei de forma similar a tua. Agarrei teu braço também e tentei então te dar uma joelhada.
Força e Velocidade, 00.

Técnicas utilizadas:
Chakura Hōshutsu
Rank: E
Descrição: A Emissão de Chakra é uma técnica defensiva de fluxo de chakra. O usuário libera chakra através de seus tenketsu e o acumula pela superfície do corpo, condensando-o e criando uma camada fina e rígida que serve para proteger contra ataques físicos, reduzindo, se não negando completamente, os danos recebidos. A técnica pode ser usada tanto no corpo inteiro, quando em partes isoladas

Quando usada habilmente, essa técnica é capaz de defender golpes de taijutsu, ou até mesmo de ninjutsu, sendo eficiente contra os efeitos de névoa, cristalização, congelamento e queimaduras.

Alguns membros do clã Hyūga mostraram-se bastante aptos no uso dessa técnica, podendo expelir chakra de todos os 361 tenketsu simultaneamente, o que lhes permite usar poderosas técnicas defensivas como o Oito Trigramas Palmas Giratórias do Céu para repelir ataques. Neji Hyūga, em específico, foi capaz de usar essa técnica para criar uma barreira de chakra em torno de si, a fim de detectar a trajetória dos ataques que a adentrassem.

------

"Coloque a lealdade e a confiança acima de qualquer coisa;
não te alies aos moralmente inferiores; não receies corrigir teus erros."
Confúcio
Jin
Genin
Genin
Ficha Ficha : Uchiha Takashi .
Vila Vila : União do Fogo.
Ver perfil do usuário

Re: [Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

em 24.12.18 0:00


Treino;
O ferver dos sangues!
— Heh. Como é conveniente... — Diria Bakuto com um sorriso, ao ser encurralado. Recapitulação geral do que havia acabado de acontecer era que, o garoto Senju aparentemente havia usado a mesma tática defensiva do jovem Uzumaki. Agora, nada mais nada menos do que ter erguido a mão e segurado o punho e depois, ter travado o seu pulso, deixando Bakuto em um estágio de igual para igual com Kafka. Ambos com um dos dos braços presos. Tudo iria dar certo de início, mas a questão geral era de que havia sido pego pelo feitiço reverso. 

 — A questão é... — Ele iria responder a pergunta do garoto, mas, a sua investida em seguida não deixou que ele pudesse terminar o que dizia, sentindo o contra ataque se aproximar novamente. Se não pensasse em algo, poderia ser atingindo por algo poderoso. Ele trincou os dentes, porque de repente, ele estava sendo atacado por uma joelhada muito mais forte e mais impactante? Uma gota de suor escorreu ao lado do olho direito do garoto, enquanto isso, o trincar de dentes do louro era feito. Talvez seu corpo se movesse sozinho. 

A sua destra ainda segurava o braço do Senju. Fincando os dedos com mais força, ele rapidamente puxaria o braço do adversário, dessa vez, rente a si, visando usar como proteção para a barriga. Não que fosse algo totalmente desesperador, mas algo dizia que ele se tomasse um dano daquilo, capaz de perder em seguida, e ele era uma pessoa idiota, do tipo que odiava perder. Mais pra reforçar, ele ainda tentou curvar seu corpo, encolhendo a barriga, para que se pudesse proteger mais ainda a região alvo. — Geez... O que você fez? — Perguntaria, fitando o rapaz, claro, com seu sorriso costumeiro.



Informações:
Considerações:

HP: 25/25.
CH: 10/10.
ST: 00/05.
Força: 00/00;
Velocidade: 00/00

Aparência: 
Descrição:
Basicamente, ele puxou o braço que mantinha preso para frente de sua barriga, com o intuito de causar auto ataque de si mesmo e defesa também, contra ataque defensivo.
Jutsus usados:
Kafka
Genin
Genin
Vila Vila : Konoha
Ver perfil do usuário

Re: [Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

em 24.12.18 0:20

—— Uzumaki... Bakuto?

Dois movimentos aconteciam simultaneamente. Enquanto meu joelho se aproximava da barriga de Bakuto, ele tentou puxar meu braço. Entretanto, eu estava mais atento que antes e tinha mostrado um dos meus truques. Dessa forma, deixei que o chakra fluísse também para o braço que ele segura, tentando dessa forma aumentar minha força e resistência e impedir que ele conseguisse puxar meu braço ou atrasá-lo ao máximo com tal força oposta que não daria tempo de proteger sua região abdominal.

Obtendo sucesso ou não, sorri para meu adversário, com ambos possivelmente ainda tentando obter vantagem e inviabilizar os movimentos do outro: —— Acho que conheço alguns truques que você desconhece, certo? Afinal, eu já sou um genin. Embora tenhamos a mesma força física e velocidade. Creio que logo você estará no mesmo estágio de evolução hierárquica que eu, meu camarada. ——

A luta que se desenrolava não era apenas física. Embora até o momento apenas ataques diretos tivessem sido efetuados. Era psicológica. Ambos deviam estar atentos aos menores detalhes porque... cortei meu pensamento em um movimento rápido. Soltava o braço do adversário num movimento único em que lançava meu punho contra seu queixo. Não era um ataque apenas. Podia saber que o adversário tentaria escapar como o fizera antes.

Caso isso acontecesse, meu cotovelo estava indo na direção também do seu queixo logo na sequência do punho. Três golpes em um único movimento? A tentativa de cotovelada poderia não ser suficiente, então no mesmo movimento de ida, eu agarraria a mão do adversário que segurava a minha e a puxaria, visando torcê-la enquanto girava seu braço, contornando-o por baixo do seu braço agora dominado, agilmente com um movimento de pernas auxiliado por uma técnica de movimentação e tentando parar atrás de Bakuto, mantendo seu braço preso e tentando pressioná-lo na direção da sua cabeça.

hp: 20 | ck:20 | st: 04

Considerações:
305 palavras.

Força 00 e Velocidade, 0.5.

Técnicas utilizadas:
Shunshin no Jutsu
Rank: D
Descrição: A Técnica de Cintilação Corporal é uma técnica de movimento em alta velocidade, permitindo que um ninja mova-se de uma curta para uma longa distância a uma velocidade quase indetectável. Para um observador, ele aparece como se o usuário tivesse teletransportado. Uma baforada de fumaça é ocasionalmente usada para disfarçar os movimentos do usuário. Ela é realizada usando chakra para vitalizar temporariamente o corpo e se mover em velocidades extremas. A quantidade de chakra necessária depende da distância total e elevação entre o usuário e o destinatário.

------

"Coloque a lealdade e a confiança acima de qualquer coisa;
não te alies aos moralmente inferiores; não receies corrigir teus erros."
Confúcio
Jin
Genin
Genin
Ficha Ficha : Uchiha Takashi .
Vila Vila : União do Fogo.
Ver perfil do usuário

Re: [Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

em 24.12.18 1:13


Treino;
O ferver dos sangues!
A primeira coisa que sempre faz uma pessoa acordar é a dor. No mundo Shinobi, uma das coisas que os ninjas mais sofrem durante sua vida, é muita dor. Cada uma das situações que um ninja passa, está muito simulada a dor, e aquilo marca, cada um deles, de uma maneira única. E aquilo também, acorda muita gente para a realidade. O grito que se sucedeu após alguns movimentos entre dois shinobis estavam ponto isso como uma exposição dessa realidade dura e cruel. Os pássaros tornariam a voar a partir dali. 

 — Gwahhhhhh! — Bakuto sentiria o vazio atingir seu estômago, seguindo de uma enorme sensação de dor. Aquilo fez com que se curvasse mais ainda, pois, por algum motivo, ele não havia conseguido trazer o braço de seu oponente, e de repente, ele parecia mais rápido? Ele não conseguiu entender exatamente como é porquê ele havia ficado ilegível. — Guh... — O garoto voltaria a se posicionar, dessa vez trincando os dentes com força enquanto estreitava os olhos, mas logo se delineava em um sorriso. — Entendi. Não me admira, vindo de você. — Diria o garoto, firme e forte. 

Assim, ao mesmo tempo que Kafka soltaria a mão de Bakuto, o Uzumaki também soltaria o braço que segurava, mas a questão é que nem ele havia percebido que havia feito o mesmo movimento, dessa vez, buscando se afastar, mas não iria adiantar muito. Ao dar um passo para trás, algo fez com que ele batesse os dentes, e fez com que se curvasse para trás, até mesmo dando um giro e caindo sobre o solo.  — Ugh... — Gemeu ele, se levantando alguns segundos depois. — Hehe... — O garoto começaria a rir. Como se aquilo o divertisse. 

— Certo, já entendi... — O garoto então se seguiria lentamente, até mesmo se apoiando em um dos joelhos. Se virou e voltou a ficar o Gennin. Sua boca estava com um fiapo de sangue escorrendo, mas ele ainda estava lá, radiante como o próprio sol. Ele então, ergueria o punho para ele, esticando, e fechando o mesmo. — Certo. Eu vou te alcançar. Não importando qual o tempo, eu ainda vou superar você! — Seu olhar era sério, e seu sorriso tinha um tom determinado. Ele não iria desistir. Assim, ele correu em seguida na direção do outro, desferindo um soco frontal, que pararia a alguns segundos antes de tocar o queixo do rapaz, como uma finta, quando se seguiria o próximo, logo em seguida. [size=32]

[/size]

Informações:
Considerações:

HP: 15/25.
CH: 10/10.
ST: 00/05.
Força: 00/00;
Velocidade: 00/00

Aparência: 
Descrição:
Ele levou a joelhada, levou a cotovelada e o soco, e caiu para trás, se afastando um metro se possível, para quebrar a última ação, assim, ele se levantará e fará o punho fechado e irá te atacar de novo, dessa vez ele vai usar um soco finta como distração e atacar com o segundo em seguida além de que ele soltou o seu punho antes, quase no momento em que soltou ele, com diferença de alguns segundos, tipo 2 séc.
Jutsus usados:
Kafka
Genin
Genin
Vila Vila : Konoha
Ver perfil do usuário

Re: [Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

em 24.12.18 2:16

—— Uzumaki... Bakuto?

Após dominar o adversário naquele instante, o embate cessou. Se colocou de frente para o parceiro e sua expressão era descontraída. As palavras proferidas por Bakuto causavam certo embaraço no jovem Senju. Ele era descendente de um dos principais clãs do país, conhecia as histórias contadas por seu pai. Mas tinha a certeza de já ter ouvido falar sobre Uzumaki, só não conseguia buscar na memória o momento exato e juntar as peças do quebra cabeças.

—— Você não precisa me alcançar, já está no mesmo ní... —— antes que terminasse a frase, fui surpreendido por um novo avanço do Uzumaki. Pela distração, sua guarda estava baixa e seus músculos relaxados. Em consequência meus reflexos estavam drasticamente diminuídos. Punido pelo desleixo, sentia o soco acertar o queixo e cambaleava para trás. Me curvava enquanto levava as mãos até a boca, notando escorrer um fio de sangue pelo canto. —— Ok. Acho que estamos iguais agora. Não acha? —— Sorria ao finalizar as palavras, como quem oferecia uma trégua ao adversário.

Embora indicasse querer pausas a luta, os olhos estavam fixos nos pés do adversário, cuidando sua movimentação corporal. A noite avançava e um ar frio envolvia o corpo quente, causando calafrios. Sentia o queixo doer um pouco após a pancada e continuava a massageá-lo.

hp: 19 | ck:20 | st: 04

Considerações:
+200 palavras.

------

"Coloque a lealdade e a confiança acima de qualquer coisa;
não te alies aos moralmente inferiores; não receies corrigir teus erros."
Confúcio
Jin
Genin
Genin
Ficha Ficha : Uchiha Takashi .
Vila Vila : União do Fogo.
Ver perfil do usuário

Re: [Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

em 24.12.18 2:35


Treino;
O ferver dos sangues!
Aquilo provocou uma profunda dor no coração do jovem Uzumaki. Quer dizer, ele havia acertado bem na cara, mas, ainda assim, só acertara porque sem querer havia achado uma brecha. De certa forma não fora nem justo. Bakuto se sentiu culpado na mesma hora, esperava que não tivesse desfeito a recém amizade que havia feito. O garoto então estendeu o braço para tocar o ombro do Senju. Seu sorriso voltara a aparecer. — Oh, mas é claro! Mas me desculpa ter te pego com a renda baixa, não imaginava que poderia ter ocorrido. Quer dizer, do jeito que lutamos parecia que nada distraia você e tal, então pensei que ainda estivesse pronto! — Explicaria. 

Assim, afastou a mão, dessa vez entrelaçando os dedos atrás da nuca. — Mas, de qualquer forma, você pode passar um pequeno analgésico que passa! Aliás, quando quiser ir me ver, passa lá no Complexo dos Uzumaki, eu não tenho pais, mas posso te receber numa boa, aliás, nós também somos oriundos de Uzushiogakure. — Diria ele, sempre acalorado. — Eu também sei que você faz parte do Clã Senju, mas ainda irei ler melhor, eu juro! — Ele diria, claro iria ler sobre o Clã, afinal, ele já havia visto algo, mas estava totalmente esquecido. 

— Sei que lutamos pouco, mas foi um bom aquecimento. Eu espero treinar com você mais vezes! Eu sei que não tenho os jutsus que você tem, mas eu também irei aprender, tô certo! Até lá, continue se tornando mais forte! Quando eu lutar com você de novo, com certeza irei te derrotar! — Diria ele com determinação, e uma confiança, parecia mesmo alguém que nunca desistiria. — A noite está mais densa e mais escura, está na hora de eu ir. — Diria o Uzumaki, parecendo quase decepcionado. — Mas ainda irei te ver de novo, eu tô sempre lá no Ichiraku! Dá uma passada! Até! — O garoto sorridente daria um tapinha no ombro do Senju e sairia correndo, acenando enquanto isso para ir pra casa. [size=32]

[/size]

Informações:
Considerações:

HP: 15/25.
CH: 10/10.
ST: 00/05.
Força: 00/00;
Velocidade: 00/00

Aparência: 
Descrição:
Basicamente, auto explicativo.
Jutsus usados:
Kafka
Genin
Genin
Vila Vila : Konoha
Ver perfil do usuário

Re: [Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

em 24.12.18 9:51

—— Uzumaki... Bakuto?

Olhava para o Uzumaki de forma amigável, seu convite seria aceito, sem dúvidas. A boca já começava a doer menos com o passar dos segundos. Concordava com as palavras proferidas e respondia: —— O erro foi meu que me distrai em uma luta acirrada... certamente que quando você aprender alguns jutsus, poderemos lutar novamente. Até lá, irei evoluir e quando te encontrar de novo, estarei ainda mais forte e espero que você também! —— Fazia um sinal de positivo com a mão esquerda.

Acompanhava o garoto se afastar de mim. Era um novo momento na minha vida. Academia, novos amigos e agora... eu era um genin. Levei minha mão ao bolso e retirei meu protetor de testa. O coloquei com calma, amarrando-o para que ficasse bem fixo. Tomei o caminho de casa. Teria muitas coisas para contar pro papai... "Era uma pena ele não ter pais". Esse pensamento atravessou minha mente e me causou certa tristeza.

hp: 20 | ck:20 | st: 05

Considerações:
fechou, valeus.

------

"Coloque a lealdade e a confiança acima de qualquer coisa;
não te alies aos moralmente inferiores; não receies corrigir teus erros."
Confúcio
Khada
Administrador
Administrador
Ver perfil do usuário

Re: [Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

em 24.12.18 10:24
@ 50 pontos de exp para ambos.

------

Conteúdo patrocinado

Re: [Treino Amigável — O ferver dos sangues!]

Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum

Parceiros

Informações